conecte-se conosco

Estilo de Vida

Verão tem aumento de casos de conjuntivite; saiba como evitar o contágio

Publicado

em

750_201812713273325

No verão, uma das doenças que tem aumento no número de casos é a conjuntivite, infecção que aparece na conjuntiva, a membrana que recobre a parte branca do olho.

A mais comum é a causada por vírus, que é mais resistente, circulando com mais facilidade no ar por causa das altas temperaturas e umidade nesta época do ano e também em ambientes fechados.

“A gente pega mais fácil por contato direto. Se a pessoa coloca a mão no olho, dá a mão para outra pessoa, aí acaba pegando a conjuntivite. Mas pode pegar até pelo ar”, disse a integrante do Conselho Brasileiro de Oftalmologia (CBO), Cristina Dantas. Piscinas são grandes focos de contaminação.

Aumento de casos

Em Caldas Novas, cidade turística de Goiás conhecida pelos clubes e piscinas de águas termais, registrou alta de casos da doença neste início de ano. O coordenador do Núcleo de Vigilância Epidemiológica da Secretaria Municipal de Saúde, José Custódio Neto, estima aumento em torno de 40% em relação ao mesmo período do ano passado.

O coordenador informou que estão sendo feitas notificações e coleta de material junto com técnicos do Ministério da Saúde para verificar se os casos são virais ou causados por bactérias.

Além dos fatores climáticos, o movimento nos parques aquáticos cresceram 30% em comparação ao ano passado. “Mais gente aglomerada junta nos parques aquáticos, mais crianças”, alerta Custódio.

Em Corumbá (MS), a cidade já registrou 378 casos, contra menos de 100 em janeiro de 2017. O período chuvoso, somado à maior aglomeração por causa das férias e à má higiene, podem ter provocado esse surto, segundo o secretário Municipal de Saúde, Rogério Leite.

Pelas redes sociais, a secretaria alerta a população sobre quais providências devem ser tomadas e servidores das unidades de saúde foram capacitados. “Os casos que os médicos da ponta não conseguem resolver são direcionados aos nossos especialistas”, disse Leite, acrescentando que o ápice do surto ocorreu há duas semanas.

Notícias do Brasil e do mundo você encontra aqui. Leia, comente, compartilhe e assista nossos programas. NBO - Um Novo Brasil Online começa aqui.

Estilo de Vida

ASTIGMATISMO – Causas, Sintomas e Tratamento

Publicado

em

ASTIGMATISMO-–-Causas-Sintomas-e-Tratamento.jpg

[ad_1]

[ad_2]

Source link

Continue lendo

Notícias

Prefeitura abre Semana de Combate a Hipertensão nesta segunda-feira

Publicado

em

unnamed.jpg

Uma caminhada, em Areia Branca, saindo do PSF do Capelão às 7h, abre nesta segunda-feira (23) a Semana de Combate à Hipertensão Arterial em Lauro de Freitas. A doença, que atinge 25% da população, é uma das principais causas do infarto do coração, AVC (Acidente Vascular Cerebral), insuficiência cardíaca e renal. O ponto alto da semana é o Dia Nacional de Combate à Hipertensão Arterial – 26 de Abril.
Entre os fatores que causam a doença, comumente chamada de pressão alta, estão o sobrepeso, obesidade, má alimentação, consumo exagerado de sal), sedentarismo e tabagismo. Filhos de pais hipertensos têm 30% de chance de também sofrerem com a doença.
Principais sintomas da doença: dor de cabeça, dor na nuca, tonturas, enjoos e falta de ar. O controle deve começar cedo, mas nem sempre a doença dá sinais. Por isso é importante a medição de pressão pelo menos uma vez por ano, independente da idade ou peso.
Outras recomendações dos médicos para prevenir ou controlar a hipotensão é a prática regular de exercícios físicos, controle do peso para evitar a obesidade, alimentação saudável à base de frutas, verduras e legumes, com pouco sal e sem frituras. O álcool e o cigarro colocam quem os consume na lista de risco, principalmente quando combinado a situações de estresse.

Continue lendo

Estilo de Vida

O QUE É TRIPOFOBIA – MEDO DE BURACOS

Publicado

em

O-QUE-É-TRIPOFOBIA-–-MEDO-DE-BURACOS.jpg

[ad_1]

[ad_2]

Source link

Continue lendo
Publicidade HTML tutorial

+Vistos