conecte-se conosco

Tecnologia

Google vai usar tecnologia AMP para tornar e-mails mais interativos

Publicado

em

gmail-logo-1920

Em breve, pequenas ações como favoritar uma página, confirmar uma reserva ou registrar a intenção de comparecer a um evento poderão ser feitas diretamente pelo Gmail. A Google anunciou que está aplicando sua tecnologia de Accelerated Mobile Pages (AMP) também ao serviço, de forma a tornar as mensagens de correio eletrônico mais interativas e úteis.

A tecnologia foi liberada nesta semana para os desenvolvedores, com a expectativa de que suas primeiras aplicações apareçam em breve. A ideia básica é que alguns recursos estejam disponíveis nas próprias mensagens, reduzindo a quantidade de cliques necessários para realização de uma ação, tornando-as mais intuitivas e, muitas vezes, dispensando até mesmo o login.

É o caso, por exemplo, de uma das propostas exibidas pela Google, na qual o usuário poderá se descredenciar do recebimento de uma newsletter de maneira rápida. Uma vez insatisfeito com a frequência ou conteúdo dos e-mails, ele poderá simplesmente clicar em um botão específico e escolher se deseja ou não continuar os recebendo, de quanto em quanto tempo, ou nunca, se for o caso. E essa é apenas uma das ideias possíveis.

 

Fonte: canaltech

Notícias do Brasil e do mundo você encontra aqui. Leia, comente, compartilhe e assista nossos programas. NBO - Um Novo Brasil Online começa aqui.

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Tecnologia

Brasil tem 116 milhões de pessoas com acesso à internet, diz pesquisa

Publicado

em

21162753506366-t1200x480

O Brasil tem 116 milhões de pessoas conectadas à internet. O número é parte dos resultados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (Pnad C), divulgada nesta quarta-feira (21) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Os valores são de 2016 e correspondem a 64,7% da população com idade acima de 10 anos.

Esses números mudam bastante dependendo da região do país. Os maiores percentuais estão no Sudeste (72,3%), Centro-Oeste (71,8%) e Sul (67,9%), enquanto Norte (54,3%) e Nordeste (52,3%) ficaram abaixo da média nacional.

Já em relação aos dispositivos, o celular foi o mais usado, tendo sido citado por 94% das pessoas com acesso à rede. Ele contribuiu para o aumento no número de conexões, principalmente nas regiões Norte e Nordeste, onde a quantidade de domicílios com computador fica abaixo dos 30%.

Um gráfico.

O que os brasileiros fazem na internet?

O instituto também quis saber o que as pessoas faziam quando estavam acessando à rede. Quase todas (94%) conversam através de mensagens de texto e voz em qualquer plataforma diferente do e-mail, como o WhatsApp. O segundo uso mais citado foi assistir a vídeos, incluindo séries e filmes, algo feito por 76% dentre os que têm conexão.

Já do lado de quem não acessa a internet, a maioria diz que não utiliza a ferramenta por não saber usar (37,8%) ou não ter interesse em acessar (37,6%). A justificativa de que os serviços são muito caros foi dada por 14,3% dos desconectados.

Um gráfico.

O momento é de troca de televisões

Uma tendência crescente é a troca das televisões de tubo por aparelhos de tela fina, com tecnologia LED, LCD ou plasma. As TVs estão presentes em 97,2% dos domicílios, sendo 36,6% delas de tubo e 63,4% de tela fina. Novamente, as diferenças são grandes entre as regiões, com a tela fina mais presente no Sudeste (73,8%) e menos no Nordeste (54,2%).

Quanto à possibilidade de receber o sinal de TV digital, 10,3% das casas ainda dependem exclusivamente do sinal analógico, não tendo acesso a aparelhos, a um conversor ou a um pacote de TV por assinatura

Em relação aos canais pagos, eles são utilizados em 33,7% dos domicílios. Dos que não pagam por TV a cabo, 55% usam como justificativa o alto preço dos planos. Mais números com os resultados da pesquisa podem ser encontrados no site do IBGE.

 

Fonte: tecmundo

Continue lendo

Tecnologia

Os melhores gadgets para usar na faculdade ou escola

Publicado

em

21161012664341-t1200x480

O fim do Carnaval marca o começo de um novo ano letivo, o que para muita gente significa a oportunidade ideal para dar início aos estudos com o pé direito. E se você é daqueles que adoram tecnologia, vai gostar de saber que existem alguns gadgets interessantes que podem ajudar a aumentar a produtividade durante as aulas e, consequentemente, o potencial de aprendizado.

Confira a seguir uma lista com os gadgets mais úteis para usar na escola ou na faculdade:

Kindle Paperwhite

Kindle

Seja na escola ou na faculdade, a quantidade de livros e artigos que os alunos precisam consultar durante o ano é enorme. Levar vários livros e papéis na mochila não é mais a única opção, e você pode usar um Kindle para armazenar o conteúdo de que precisa. Além de poupar sua coluna, com o Kindle você pode fazer anotações e destacar partes do texto, cumprindo a função dos livros com muito mais praticidade.

Tablet Samsung Galaxy Tab

galaxy tab

Ter um tablet em mãos durante as aulas é uma ótima alternativa para os alunos. O aparelho permite que sejam feitas pesquisas na internet e anotações rápidas, além de facilitar o registro de fotos ou vídeos relacionados ao conteúdo. Este modelo da Samsung tem tela de 9.6 polegadas e uma boa capacidade para rodar vários aplicativos; ou seja: ideal para carregar na mochila no dia a dia.

Teclado para tablet

teclado

Se você já usa um tablet para fazer anotações nas aulas, sabe o quanto pode ser chato escrever diretamente na tela do aparelho. Além disso, pode ser perigoso, já que os aparelhos costumam ser grandes e têm menos estabilidade para segurar com as mãos como um celular comum. A solução para isso é usar um teclado para tablet, que muitas vezes já têm uma case protetora acoplada. É um pequeno investimento para muita praticidade.

Pen Drive SanDisk Connect Wireless

pendrive

Ter um pendrive por perto é fundamental, afinal nunca se sabe quando se pode precisar de um. Este modelo da SanDisk tem a vantagem de não ter de ser conectado diretamente no aparelho para fazer a transferência de arquivos, já que o envio é feito através de uma conexão sem fio própria do aparelho. É pequeno e compacto, o que o torna ideal para ser levado na mochila, e é compatível com computadores, notebooks, Kindle e dispositivos Android e Apple. Além de facilitar a transferência de arquivos e documentos, é possível usar o gadget para salvar e enviar fotos e vídeos, assistir vídeos, ouvir músicas e muito mais!

Calculadora científica

Calculadora

Apenas os apaixonados por números sabem a importância de ter uma boa calculadora científica ao alcance. Elas são fundamentais para alcançar resultados de equações mais complexas, já que têm funções pré-programadas que auxiliam bastante os estudantes de ciências exatas ou engenharia.

Cadeado para Notebooks MicroSaver, da Kensington

notebook

Se você tem o costume de estudar em bibliotecas ou lugares abertos, sabe o quanto é arriscado deixar o seu notebook sem supervisão, mesmo em saídas rápidas. Ainda que não seja recomendado deixar o seu aparelho sozinho, uma boa dica para quem precisa otimizar sua rotina de estudos em lugares públicos é ter um cadeado para notebooks. Este modelo da Kensington tem cabo de aço de carbono reforçado, é superfácil de instalar e pode ser preso à mesa. A segurança está por conta da tecnologia Hidden Pin, que garante que as travas não possam ser acessadas por qualquer pessoa além do dono do aparelho; além disso, o gadget consegue proteger contra o uso de força e avisar se alguém tenta roubar o dispositivo.

Notebook Híbrido Lenovo Yoga 520

ultrabook

Investir em um notebook híbrido pode ser um ótima opção para quem procura a praticidade de ter diversas funções em um só aparelho. Afinal, é um tablet e um notebook de alto desempenho, ideal para ser levado para todos os lugares. Os estudantes mais modernos poderão aproveitar a capacidade do aparelho com a facilidade de poder transformá-lo em um tablet com um simples movimento.

Carregador portátil Sony Cycle Energy

carregador

Ficar sem bateria no celular ou tablet é bastante inconveniente nos dias de hoje, e ter um carregador portátil na mochila é um jeito muito eficiente de não passar por apertos no dia a dia. O modelo da Sony tem um valor acessível, é compacto, leve e garante mil recargas com capacidade máxima (de acordo com a marca, depois disso o carregador mantém 90% de sua capacidade, o que ainda é ótimo!).

Fonte: tecmundo

Continue lendo

Tecnologia

Saiba como recuperar a versão antiga do Snapchat para Android e iOS

Publicado

em

06163474b8e3069180b5edc78d0aa567

O novo design do Snapchat irritou muita gente, e o que parecia ser uma coisa boa acabou se tornando uma grande dor de cabeça para a empresa. Mas há caminhos para reverter a situação.

Como o CEO do Snap, Evan Spiegel, disse que dificilmente haverá um recuo ao design antigo, mesmo com pedidos de mais de 1 milhão de usuários, a solução é voltar à interface por meio de atalhos de terceiros.

No Android

Antes de qualquer coisa, é importante saber que, como é um recurso não-oficial, você terá que correr riscos por conta própria.

O primeiro passo é excluir a versão mais nova do Snapchat do aparelho. Depois, desative as atualizações automáticas, para evitar que a nova versão seja baixada.

Então, o usuário deve baixar a versão antiga em APK (arquivo zipado de Android para ser baixado em paralelo à Google Play), disponível no APKMirror.

Como não é uma instalação oficial e se trata de uma interface antiga, o usuário não terá a acesso aos novos recursos do Snap, nem a correções de bugs que vieram com a última atualização.

Caso seu objetivo seja apenas recuperar a antiga versão, então, esse caminho é o suficiente para realizar seu desejo.

Solução para o iOS

Já o caminho para usuários iOS é mais complicado e nem sempre pode funcionar. Ele foi descoberto por uma usuária do Twitter.


Você deve apagar o app do iPhone e desligar as atualizações automáticas. Em seguida, baixe novamente o aplicativo.

Importante: para não perder as Memórias, faça o backup antes de apagar o app.

Quando for fazer o login, clique na opção “esqueceu a senha?” e siga as instruções para obter uma nova pelo celular.

No momento em que você fizer o login com a nova senha, terá acesso ao modelo antigo do Snap.

Vale ressaltar que essa solução não é permanente. Se você encerrar o app, ele vai atualizar automaticamente no momento em que reabri-lo. Além disso, o usuário fica sem as correções de bugs e novos recursos.

 

Fonte: canaltech

Continue lendo
Publicidade

+Vistos