conecte-se conosco

Esportes

Palmeiras e dupla Gre-Nal voltam a campo pela Libertadores

Publicado

on

A noite desta quarta-feira (16) marcará a retomada da Libertadores para três equipes brasileiras. O Internacional será o primeiro a entrar em campo, a partir das 19h15 (horário de Brasília), no estádio Beira-Rio, em Porto Alegre, o colorado recebe o América de Cali (Colômbia) pela terceira rodada do Grupo E.

Na sequência, às 21h30, o Grêmio joga em Santiago, no Chile, contra o lanterna do Grupo, o Universidad Católica, que perdeu as duas partidas realizada até o momento. Também às 21h30, o Palmeiras encara o Bolívar (Bolívia) em La Paz. Se quiser manter os 100% de aproveitamento, o líder do Grupo B terá que superar o adversário e os 3.640 metros de altitude.

Em busca da manutenção da liderança

Com duas rodadas disputadas, o Grupo E da Libertadores tem dois líderes. Um deles é o Inter, com quatro pontos. A última partida do Colorado foi justamente contra o grande rival Grêmio, que também tem quatro pontos. O Gre-Nal do dia 12 de março acabou em 0 a 0 na Arena Tricolor. Aquela partida terminou em pancadaria generalizada e teve oito expulsões. Do lado do Inter, Moisés, Edenílson, Cuesta e Praxedes receberam cartão vermelho naquela oportunidade. Além das advertências, que os deixa fora do jogo desta quarta, dois jogadores receberam uma punição pesada. Moisés deve ficar fora por quatro partidas, Edenílson por três jogos.

Além disso, a nova lista de inscritos apresentada pelo clube na última semana teve várias novidades. Lucas Ribeiro, Matheus Jussa, Yuri Alberto, Leandro Fernández e Abel Hernández entraram no grupo, além dos jovens da base João Peglow, Emerson, Léo Borges, Leonardo Ferreira, Keiller e Tiago Barbosa. Além deles, a principal novidade é Rodrigo Dourado, volante que não joga há mais de 15 meses.

Adversário do time brasileiro, o América de Cali fez o último jogo oficial pela Libertadores no dia 10 de março, quando venceu a Universidad Católica por 2 a 1 no Chile. O campeonato colombiano retornou nesse final de semana com a realização de duas partidas, mas o América de Cali ainda não atuou.

Desde julho, quando retomou os treinos, fez duas partidas. Diante do Junior Barranquilla, pelas finais da Superliga local, venceu fora por 2 a 1 e perdeu o título em casa ao levar 2 a 0.

Procurando vitória no Chile

O Grêmio, que tem o mesmo número de pontos do Internacional no Grupo E, não vem em um bom momento no Campeonato Brasileiro. O Tricolor está na décima posição com doze pontos. Do time que jogou o Gre-Nal de março até a equipe que empatou com o Fortaleza no último domingo, seis nomes se repetiram: o goleiro Vanderlei, os zagueiros Geromel e David Braz, o meia Maicon e os atacantes Alisson e Diego Souza. Dos quatro expulsos do clássico da Libertadores, o atacante Luciano e o lateral Caio Henrique não estão mais no clube. O zagueiro reserva Paulo Miranda foi punido com três jogos, e o atacante Pepê tem que cumprir a suspensão nesta quarta.

Na nova lista de inscritos estão o lateral Diogo Barbosa, o meia Robinho e os atacantes Everton e Luiz Fernando. Também foram incluídos garotos da equipe sub-23: Vinicius Machado (goleiro), Jefferson (lateral-esquerdo), Jhonata Varela (volante), Elias (atacante) e Da Silva (centroavante). A grande ausência é o atacante Everton Cebolinha, negociado com o Benfica.

A ida dos brasileiros a Santiago exigirá adaptações aos protocolos sanitários chilenos. O Tricolor embarcou na manhã da última terça em voo fretado, e terá que passar, obrigatoriamente, por uma nova rodada de exames de covid-19 ao chegar à capital chilena. O Chile vive uma reabertura gradual imposta pelo presidente Sebastián Piñera. O local onde está o estádio San Carlos de Apoquindo está na fase 3, que permite abertura de shoppings e lojas. Reuniões sociais têm o limite de cinco pessoas.

O Universidad Católica voltou a disputar há pouco tempo o Campeonato Chileno, somando três vitórias em quatro jogos desde a retomada, e garantindo a liderança da competição com 28 pontos em 11 jogos, com nove vitórias, um empate e uma derrota.

Jogo na altitude

O terceiro jogo com brasileiros na noite será o do Palmeiras, que lidera o Grupo B com seis pontos em dois jogos. A última partida do Verdão na Libertadores foi a vitória de 3 a 1 sobre o Guaraní (Paraguai). Naquela oportunidade, o centroavante Luiz Adriano marcou os três gols. Nos últimos meses, o time mudou tanto que nem o centroavante estava presente no último jogo do Verdão, o empate em 2 a 2 com o Sport, no último domingo, pelo Campeonato Brasileiro.

Nesses últimos meses o atacante Dudu saiu, e vários garotos da base ganharam espaço na equipe do técnico Vanderlei Luxemburgo, com destaque para os meias Patrick de Paula e Gabriel Menino e os atacantes Gabriel Veron e Wesley. Outros três garotos foram inscritos na nova lista divulgada na última semana pelo Verdão, o lateral-esquerdo Renan, o meio-campista Danilo e o atacante Gabriel Silva, que chegou a herdar a camisa sete do ídolo Dudu.

Enquanto o Palmeiras fez 15 jogos e conquistou o título estadual desde o seu retorno às competições em 22 de julho, o Bolívar vive exatamente a mesma situação do Jorge Wilstermann. Fez a última partida em 14 de março, ainda pela Libertadores. Foi a vitória por 2 a 0 sobre o Tigre (Argentina), jogando em casa. Depois foram apenas treinamentos. A liberação oficial do governo boliviano aconteceu apenas no dia 31 de julho, para o retorno das atividades do clube. O Bolívar tem uma vitória e uma derrota em dois jogos no Grupo B da Libertadores.

Veja a classificação atualizada da Copa Libertadores.

source

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esportes

Palmeiras e Corinthians jogam neste sábado pelo Campeonato Brasileiro

Publicado

on


Palmeiras e Corinthians se enfrentam neste sábado (12) pela terceira rodada do Campeonato Brasileiro. O confronto realizado no Allianz Parque, às 19h (horário de Brasília), terá transmissão da Rádio Nacional, com narração de Felipe Rangel, comentários de Waldir Luiz, reportagem de Rafael Monteiro e plantão de Astrid Nick.

Acompanhe Palmeiras x Corinthians, às 19h (horário de Brasília), clique abaixo:

As duas equipes começaram a competição nacional da mesma maneira, perderam na estreia e venceram na segunda rodada.

Além disso, o clássico Dérbi será disputado após eliminações prematuras das duas equipes na terceira fase da Copa do Brasil na última quarta-feira (9). O Verdão deu adeus ao torneio após sofrer revés, nos pênaltis, contra o CRB. Já o Timão foi despachado pelo Atlético-GO.Em outras competições, os dois rivais também acumularam fracassos.

No Campeonato Paulista, o Palmeiras foi vice-campeão na final contra o São Paulo. Os palmeirenses também não conseguiram êxito na disputa com o Flamengo na Supercopa do Brasil e contra o argentino Defensa Y Justicia pela Recopa Sul-Americana. Restam ainda duas oportunidades para o verdão gritar campeão: o Brasileirão e Copa Libertadores da América.

Já o Corinthians foi eliminado nas semifinais do Paulista, após revés contra o próprio Palmeiras por 2 a 0. Na Copa Sul-Americana, o time do Parque São Jorge também saiu prematuramente na Fase de Grupos. O Campeonato Brasileiro é a única competição em disputa pela equipe comandada por Sylvinho.

Em relação ao time que começa jogando, o técnico palmeirense Abel Ferreira terá desfalques por conta da realização da Copa América, que começa no domingo (13). Ao todo, três jogadores estão disputando a competição envolvendo as seleções Sul-Americanas: o goleiro Weverton (Brasil), o zagueiro Gustavo Gómez (Paraguai) e o lateral-esquerdo Matías Viña (Uruguai).

Pelo lado corintiano, Sylvinho não poderá contar apenas com o meio-campista Otero, que foi convocado pela Seleção Venezuelana. Porém, a ausência não deverá ser tão notada, já que ele não vem sendo aproveitado desde as semifinais do Campeonato Paulista, em 16 de maio.

Nos últimos confrontos entre os dois clubes, o Alviverde tem levado a melhor. Ao todo, o Verdão sustenta invencibilidade de seis jogos no Dérbi, tendo obtido três vitórias e três empates. A última vez que os alvinegros derrotaram o arquirrival foi em 2020, no dia 22 de julho, em Itaquera. A partida terminou com o placar de 1 a 0.





Continue lendo

Esportes

Gama-DF e Aparecidense-GO se enfrentam pela Série D do Brasileiro

Publicado

on


Únicos times do Grupo 5 a vencerem na abertura da Série D do Campeonato Brasileiro, Gama-DF e Aparecidense-GO se enfrentam neste sábado (12), a partir das 15h30 (horário de Brasília), pela segunda rodada da competição. A partida no estádio Maria de Lourdes Abadia, o Abadião, em Ceilândia (DF), será transmitida ao vivo pela TV Brasil.

O duelo seria inicialmente no Mané Garrincha, em Brasília, mas o local teve de ser alterado porque o estádio receberá a Copa América e sediará, inclusive, a estreia da seleção brasileira neste domingo (13), às 18h, contra a Venezuela. Também no Distrito Federal, o estádio Walmir Campelo Bezerra, o Bezerrão, casa do Gama, está impossibilitado de receber partidas. O espaço vem sendo ocupado por um hospital de campanha para tratamento de pacientes do novo coronavírus (covid-19). 

No sábado passado (5), o Periquito estreou derrotando fora de casa  o Jaraguá-GO por 3 a 1, em duelo transmitido pela TV Brasil. O meia Elias (dois gols) e o atacante Vitinho balançaram as redes para o clube distrital. Já no último domingo (6), a Aparecidense levou a melhor sobre o Nova Mutum-MT, pelo mesmo placar, no estádio Aníbal Toledo, em Aparecida de Goiânia (GO). Os atacantes Marinho, Lelo e Elias marcaram para o Camaleão.

Reformulado após o terceiro lugar no Campeonato Brasiliense, com 14 contratações para a Série D, o Gama apresentou três reforços nesta semana: o experiente meia Felipe Menezes (ex-Palmeiras e Benfica, de Portugal, que disputou a Série A2 do Campeonato Paulista deste ano pelo Atibaia) e os jovens atacantes Flávio e Rikelton (emprestados pelo Paysandu). O último, porém, contundiu-se no primeiro treino e está fora do jogo. O zagueiro Igor Ribeiro e o volante Kasado, além de Vitinho, contraíram a covid-19 e também desfalcam o time de Ricardo Colbachini.

A provável escalação do Periquito terá: Wendel, Vinicius, Gabiga e Gabriel; Carrillo, Germano, Felipe Menezes e Elias; Hugo Almeida e Vitor Xavier.

Na Aparecidense, são quatro jogadores ausentes por conta do novo coronavírus (os nomes não foram revelados). O técnico Thiago Carvalho, por sua vez, recuperou-se da infecção pelo vírus e retorna ao banco após cumprir o período de isolamento. O goleiro Pedro Henrique, que deixou o gramado aos 14 minutos do primeiro tempo da estreia, após um choque com o zagueiro Wesley Matos, foi liberado pelo departamento médico. O Camaleão também se reforçou em peso, trazendo 14 atletas para a Série D. O último foi o volante Mutuca, que estava no Águia Negra-MS, anunciado na última segunda-feira (6).

Os goianos devem ir a campo com Pedro Henrique; Adriel, Rafael Goiano, Wesley Matos e Rodrigues; Bruno Henrique, David, Rodriguinho e Negueba; Lelo e Marinho.

As demais partidas do Grupo 5 ocorrem no domingo, às 16h. O Goianésia-GO recebe o União Rondonópolis-MT no estádio Valdeir Oliveira, em Goianésia (GO). O Nova Mutum encara o Jaraguá no estádio Valdir Doilho Wons, em Nova Mutum (MT). Já no estádio Aluízio Ferreira, o Aluizão, em Porto Velho, o Brasiliense-DF visita o Porto Velho (RO).





Continue lendo

Esportes

Djokovic vence Nadal e enfrentará Tsitsipas na final de Roland Ga

Publicado

on


O sérvio Novak Djokovic, número um do mundo, venceu de virada o Rei do Saibro Rafael Nadal por 3-6, 6-3, 7-6 (4) e 6-2 nas semifinais em Roland Garros nesta sexta-feira (11) e disputará o título contra o jovem grego Stefanos Tsitsipas.

Esta foi apenas a terceira vez que o espanhol foi derrotado no Grand Slam em Paris desde sua estreia em 2005.

Nadal, buscando seu 14º título no Aberto da França, venceu os primeiros cinco games da partida e parecia estar a caminho de repetir a vitória sobre o sérvio na final do ano passado.

Mas Djokovic venceu o segundo set e depois derrotou o espanhol em um emocionante terceiro set de 97 minutos no tiebreak, após salvar um set point.

A atmosfera de futebol criada pelos quase 5.000 espectadores na quadra Philippe Chatrier foi sentida no final do terceiro set, quando se aproximava o início do toque de recolher em Paris por causa da Covid-19.

Felizmente, as autoridades parisienses concederam uma prorrogação do limite das 23h no horário local, o que fez com que o magnífico jogo pudesse continuar a ser desfrutado por um público ao vivo.

Mas não houve indulto para Nadal, de 35 anos, que pareceu cansado no último set, e sucumbiu diante de Djokovic, que agora enfrentará Tsitsipas em busca de seu 19º título de Grand Slam, o que o deixaria apenas um atrás do recorde de 20 de Nadal e Roger Federer.

Tsitsipas chegou à decisão ao derrotar Alexander Zverev por 6-3, 6-3, 4-6, 4-6 e 6-3 em uma grande partida.





Continue lendo

Mais Vistos