conecte-se conosco

Bahia

Governo lança plano para combater incêndios florestais

Publicado

on


Casos relacionados a queimadas e outros crimes ambientais na Amazônia, no Cerrado e no Pantanal terão, a partir de agora, um planejamento específico que prevê inclusive a antecipação de ações. Lançado nesta quinta-feira (22) pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública, o Plano Estratégico Operacional de Atuação Integrada no Combate a Incêndios Florestais, prevê a Operação Guardiões do Bioma. A estratégia envolverá cerca de 6 mil profissionais na prevenção, repressão e investigação de tais ocorrências.

Segundo o ministro da Justiça, Anderson Torres, todos os estados e o Distrito Federal vão oferecer profissionais especializados para participar da operação em apoio aos estados onde a situação é mais crítica. Em contrapartida, o pagamento das diárias aos profissionais envolvidos e a coordenação e integração dos órgãos ficarão a cargo do governo federal. A operação terá início de acordo com demanda dos estados nos meses de agosto a novembro.

De acordo com o Ministério da Justiça, os estados do Acre, Amazonas, Amapá, Maranhão, de Mato Grosso do Sul, Mato Grosso, do Pará, de Rondônia, Roraima, do Tocantins e de Goiás serão o foco de atuação.

A operação envolve ainda os ministérios do Meio Ambiente e do Desenvolvimento Regional e as secretarias estaduais de Segurança Pública e de Meio Ambiente, além do Conselho Nacional dos Corpos de Bombeiros Militares do Brasil. Nos estados e no DF, os bombeiros militares é farão a coordenação local dos trabalhos.

“Com a soma de esforços e integração entre União e estados, vamos mostrar para o mundo que o Brasil está engajado na preservação de seus biomas. Este é um compromisso do governo Jair Bolsonaro e que estamos concretizando nessa ação inédita envolvendo três ministérios e todas as unidades da federação em apoio aos biomas Amazônia, Cerrado e Pantanal”, destacou o ministro da Justiça.

Na cerimônia de lançamento, o ministro do Meio Ambiente, Joaquim Álvaro, afirmou que a ação conjunta “será efetiva para combater os crimes, especialmente os ligados a incêndios florestais”.

Efetivo

Entre os quase 6 mil homens envolvidos na operação, 200 são bombeiros e policiais militares da Força Nacional de Segurança Pública, 1.642 do PrevFogo do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e Recursos Naturais Renováveis (Ibama), 1.427 brigadistas do ICMBio, e mais 1.570 bombeiros e policiais militares ambientais dos estados. E mais 900 bombeiros de outras unidades da federação, que estão fora do foco de atuação e poderão ser enviados para reforçar o efetivo, caso necessário.

A Polícia Federal ficará responsável pelo desenvolvimento de ações de inteligência e de polícia judiciária para mitigar e reprimir devastações criminosas, além de prestar apoio logístico aos demais órgãos participantes.

Nas rodovias federais, a Polícia Rodoviária Federal também estará presente coordenando a segurança e reprimindo eventuais crimes. As polícias civis, militares e a Defesa Civil também farão parte da operação dentro de suas respectivas áreas de atuação. Os órgãos envolvidos, de acordo com suas competências legais, vão monitorar e realizar ações efetivas nos locais onde há grandes focos de incêndios, além de apurar crimes que podem estar sendo cometidos.

Entre as ações previstas, destacam-se o monitoramento e diagnóstico de riscos, reuniões com os estados, elaboração, revisão e validação de planos, matrizes e protocolos integrados, além da avaliação de resultados para propor medidas corretivas e preventivas. 

 



Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Bahia

Marcha para Jesus reúne fiéis em carreata na capital paulista

Publicado

on


Pelo menos 1,2 mil pessoas estão reunidas no Pavilhão de Exposições do Anhembi, na Zona Norte da capital paulista, para participar de um show musical promovido dentro da Marcha para Jesus, que acontece todos os anos. Pela segunda vez consecutiva, ao invés dos participantes percorrerem o trajeto pelas ruas da cidade a pé, a marcha foi feita com as pessoas dentro dos carros. 

Para participar do show, no formato drive-in, os carros tiveram que ser cadastrados previamente. Em cada veículo é permitido quatro ocupantes. A ideia é que os participantes interajam com o show tocando buzinas. 

A carreata saiu do Obelisco do Ibirapuera às 14h. Representantes de várias denominações evangélicas participam para orar pelo Brasil. O evento conta ainda com quatro trios elétricos que levaram bandas para animar o percurso. Os caminhões de som registraram número limitado de pessoas. 

Show

No show, no Anhembi, se apresentam nomes consagrados da música gospel como Renascer Praise, Daniela Araújo, Kemuel, Juliana Silva, André e Felipe, Kemily, Ton Carfi, Gabriel Guedes, Leandro Borges, Isadora Pompeo e Casa Workship.

O evento também será transmitido pelo YouTube e Facebook e pelas emissoras oficiais da Marcha para Jesus – Rede Gospel de Televisão e Rádio Gospel FM.



Continue lendo

Bahia

Polícia investiga incêndio em estátua de Borba Gato na capital de SP

Publicado

on


Equipes das polícias Civil e Militar de São Paulo investigam quem pode ter sido o autor de vandalismo nas proximidades da estátua do Borba Gato, na zona Sul da capital paulista, na tarde deste sábado (24). Segundo informações da Secretaria de Segurança Pública (SSP) de São Paulo, as duas polícias realizam diligências em buscas de imagens e informações que possam ajudar na identificação e localização dos autores. 

De acordo com as primeiras informações, por volta das 13h30, um grupo desembarcou de um caminhão e espalhou pneus pela via e nos arredores do monumento, ateando fogo na sequência. A SSP informou por meio de nota que policiais militares e bombeiros chegaram rapidamente ao local e controlaram as chamas e liberaram o tráfego. 

Não houve feridos e nem detidos. O caso está sendo registrado no 11º Distrito Policial (Santo Amaro). Esse distrito ficará responsável pelas investigações.



Continue lendo

Bahia

Manifestantes fazem atos pelo país por vacinação e contra presidente

Publicado

on


Manifestantes foram às ruas neste sábado (24) em diversas cidades do país para protestar contra o governo federal. Pessoas ligadas a partidos de oposição, movimentos sociais e centrais sindicais saíram em passeata pedindo a saída do presidente Jair Bolsonaro, mais vacinas contra a covid-19 e o fim da corrupção.

Rio de Janeiro

Pela manhã, na capital fluminense, manifestantes se reuniram em frente ao monumento de Zumbi dos Palmares, no centro da cidade. Eles ocuparam parte da Avenida Presidente Vargas e, depois, seguiram por outras vias do centro da cidade.

Salvador

Na capital baiana, também pela manhã, os participantes se reuniram na Praça do Campo Grande e, em seguida, saíram no sentido da Praça Principal. Eles gritavam palavras de ordem e exibiam faixas e cartazes.

Minas Gerais

Em Belo Horizonte, os manifestantes se reuniram na Praça da Liberdade, onde exibiram um boneco inflável gigante que fazia alusão ao presidente. Eles fizeram críticas ao uso do medicamento cloroquina no tratamento da doença.

Brasília

Na capital federal, a concentração acontece em frente ao Museu da República. De lá, a previsão é que os manifestantes sigam pela Esplanada dos Ministérios até o Congresso Nacional. As vias de acesso foram interditadas para veículos em ambos os sentidos.



Continue lendo

Mais Vistos