O presidente Jair Bolsonaro recebeu hoje (21) as credenciais de cinco novos embaixadores no Brasil, em cerimônia reservada no Palácio do Planalto. A partir de agora, estão habilitados a despachar no país os representantes de Chipre, Evagoras Vryonides; do Uruguai, Guillermo Valles Galmés; do Paquistão, Ahmad Hussain Dayo; da Índia, Suresh K. Reddy; e dos Emirados Árabes Unidos, Saleh Ahmad Salem Alzaraim Al-Suwaidi.

Tradicionalmente, um embaixador assume o posto após a entrega de documentos enviados pelo presidente de seu país ao governo do país onde atuará.

A apresentação das cartas credenciais ao presidente da República é uma formalidade que aumenta as prerrogativas de atuação do diplomata no Brasil. Caso a credencial não seja recebida pelo presidente, o embaixador não pode representar seu país em audiências ou solenidades oficiais.

source

Ymanitu Silva é vice-campeão do Toyota Open de Tênis, na França

Artigo anterior

Após 118 dias de seca, volta a chover em Brasília

Próximo artigo

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *