Nesta quinta-feira (8), o brasileiro Bruno Soares, ao lado de Mate Pavić, se garantiu na segunda decisão seguida de Grand Slams nessa temporada. A dupla superou os colombianos Juan Cabal e Robert Farah (cabeça de chave número 1) na semifinal de Roland Garros. A vitória foi em sets seguidos (7/6, 7/5), em 1h44min. Depois de vencer o US Open, Soares vai fazer a primeira final do Grand Slam parisiense na carreira.

Sem quebras, o primeiro set foi decidido apenas no tie-break. No segundo, a liderança parcial foi dos adversários do brasileiro e do croata até 4/2. Mas, com duas quebras, Soares e Pavić viraram e fecharam o jogo em 7/5. A chegada à decisão coloca também o tenista mineiro no top 10 do ranking de duplas da ATP. Aos 38 anos, Soares já tem dois títulos no US Open e um no Australian Open. Agora, ele e Mate Pavić aguardam o vencedor da outra semifinal entre o holandês Wesley Koolhof e o croata Nikola Mektić com os alemães (atuais campeões do torneio) Andreas Mies e Kevin Krawietz.

source

Comércio varejista atinge maior patamar de vendas em 20 anos

Artigo anterior

Conab prevê produção recorde de grãos na safra 2020/21

Próximo artigo

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *