Na manhã deste sábado (11), equipes da Prefeitura realizaram fiscalização na praia de Vilas do Atlântico. A ação faz parte do Plano de Reordenamento do bairro, idealizado em parceria com o Grupo da Zona Costeira e a Associação dos Moradores de Vilas do Atlântico (AMOVA). Estas ações de fiscalização irão se estender por toda a orla do município, no intuito de revitalizar e recuperar a beleza das praias.

Nessa primeira etapa foi realizado um mutirão para a retirada de estruturas ilegais das praias, que estavam gerando entulhos e focos de mosquitos transmissores de doenças. Além do lixo retirado das areias, foram apreendidos diversos ítens deixados por comerciantes, tais como cadeiras, isopores, sombreiros e bebidas antigas. A ação contou com equipes das Secretarias de Trânsito e Transporte (SETTOP), Serviços Públicos (SESP), Desenvolvimento Urbano (SEDUR), Infraestrutura (SEINFRA), Meio Ambiente e Recursos Hídricos (SEMARH), Trabalho, Esporte e Lazer ( SETREL), Guarda Municipal, Vigilância Sanitária e  Polícia Militar.

De acordo com Delanise Costa, integrante da AMOVA e do grupo da zona costeira, essa ação é de extrema importância para a recuperação da beleza e balneabilidade das praias. “Apresentamos à Prefeitura uma série de demandas emergenciais que o loteamento possui e montamos esse Plano de Reordenamento. Estamos nos antecipando para o Verão que vem aí. Buscamos oferecer um Verão mais tranquilo para os moradores e visitantes. A idéia é unir força em prol de um objetivo comum” comentou.

O secretário da SETTOP, Smith Neto, destaca que além de fiscalizar as estruturas irregulares, a ação teve caráter educativo, já que eles aproveitaram para conversar com a população sobre as restrições dos decretos municipais que proíbem o acesso às praias.

“Esse primeiro dia de ação foi muito positivo. Conseguimos aliar assuntos muito importantes. Chamamos a atenção sobre o cumprimento dos decretos e realizamos uma ação de saúde pública. Ao retirar estes entulhos e sujeira das praias, evitamos esconderijos para animais peçonhentos e focos de mosquitos” disse.

O Plano de Reordenamento de Vilas do Atlântico ainda cumprirá outras etapas, com recapeamento asfáltico, limpeza das ruas, capinagem, reordenamento de trânsito e sinalização horizontal e vertical.

 

Jornalista: Iana Silva

Foto: Lucas Lins



Série sobre quarentena bate mais de 1 milhão de visualizações em menos de 24 horas – Portal RBN

Artigo anterior

Feira de Empregabilidade virtual reúne palestras, dicas para conseguir emprego e vagas para Salvador, Lauro de Freitas e Eunápolis – Portal RBN

Próximo artigo

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.