ZURDO é o projeto solo do guitarrista Henrique Rocha, paulistano de nascença e potiguar de coração. Henrique fez parte das bandas Calistoga, Talma&Gadelha e atualmente integra a Koogu e é um dos técnicos de sons mais requisitados da cena indie brasileira.
O EP foi originalmente lançado em formato de vídeo com quase 19 minutos de duração. Dentro do curta, quatro vídeos que se ligam e interage entre si, cada um representando uma das canções feitas pelo Henrique para o projeto. O curta está no nosso canal do Youtube e foi lançado originalmente em 2013, no aniversário de 4 anos do blog Hominis Canidae. Ou seja, trata-se de um resgate que já tinha sido lançado anteriormente pelo Hominis Canidae.

A sonoridade torta e miscigenada do projeto fez o vídeo figurar num mapa do math rock mundial no ano de lançamento. Sendo um dos dois projetos brasileiros presentes no mapa. A formação da ZURDO nesse EP foi: Henrique Geladeira na guitarra e voz, Artur Porpino, que hoje integra a Sample Hate, na bateria e Voz, Leandro Menezes da banda Mahmed no baixo e o multiartista Daniel Nec nos Samplers, Sintetizador, Trompete e Escaleta.

O EP da ZURDO

Gravado de maneira independente por Ian Medeiros, da banda Mahmed e mixado por Henrique Rocha no mesmo ano de lançamento, o EP começa com a faixa instrumental “Andamentos De Uma Não Relação“, que já apresenta uma das credenciais do projeto: a sonoridade coesa entre os instrumentos. “Balangando“, a segunda música instrumental, segue mostrando nuances sonoros distintos, com ritmos quebrados e dançantes, que se intercalam com maestria, numa ode ao nordeste que termina com um sample do coco “Usina (Tango no Mango)”, do músico Chico Antônio.

Duas Metades Separadas” é a última canção instrumental e a mais arrastada do EP, num clima que alterna post-rock com slowcore e post-hardcore. Acelerando e reduzindo a velocidade da maneira que deve ser uma relação entre duas metades separadas. “Desconstruir” fala sobre ressignificar a nossa cultura, sobre desapegar do que um dia somos, aprender coisas novas, mantendo um equilibrio na continuidade que é a vida. Como fala Henrique na letra: “Desconstruindo para equilibrar”.

OUÇA O EP DA ZURDO NO SEU PLAYER FAVORITO



Os racistas não param, DK47 lançará música inédita “Racista & N1KE” 31/07

Artigo anterior

Os roteadores domésticos viraram ciberinimigos?

Próximo artigo

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.