O Flamengo confirmou mais um jogador infectado com o novo coronavírus, causador da covid-19. Agora, são sete atletas diagnosticados com a doença e sem condições de entrar em campo nesta terça-feira (21), no Equador, contra o Barcelona de Guayaquil  na Copa Libertadores da América.

Pela conta oficial do clube no twitter, o clube carioca comunicou que recebeu “a última contraprova dos exames realizados no elenco”. O nome desse último atleta não foi oficialmente revelado. Em outra publicação, o Rubro-Negro explica que o jogador está assintomático, isolado e aos cuidados do Departamento Médico.

Mais cedo, o meia Diego Ribas publicou um vídeo no YouTube no qual confirmava estar com a covid-19 e sentindo dores na garganta.

O time fez o último treino hoje, no Estádio George Capwell, do Emelec.

O treinador espanhol Domènec Torrent ainda tem outros problemas para  escalar o Rubro-Negro, porque terá que  substituir mais cinco desfalques. Os atacantes Gabriel Barbosa e Pedro Rocha, além do lateral-direito João Lucas, estão se recuperando de lesão na coxa. Já o goleiro Diego Alves segue em tratamento de lesão no ombro, e o zagueiro Gustavo Henrique, que foi expulso na goleada por 5 a 0 contra o Independiente Del Valle, vai cumprir suspensão automática.

No Grupo 1 da Libertadores, o Flamengo ocupa a segunda posição, com 6 pontos conquistados. Do outro lado, está o lanterna Barcelona de Guayaquil que ainda não marcou nenhum ponto. Os brasileiros também estão pressionados pela humilhante goleada por 5 a 0 contra o Independiente Del Valle, na capital equatoriana.

source

Denatran oferece função de pagamento de multas por aplicativo

Artigo anterior

Disque Denúncia lança campanha de combate ao roubo combustíveis no Rio

Próximo artigo

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *