Novembro é considerado o mês da Consciência Negra e é dedicado às discussões sobre o racismo, resistência e igualdade racial. O marco é o dia 20, data de morte de Zumbi, líder do Quilombo dos Palmares, que era símbolo de luta contra a escravidão. Para marcar a data, na próxima sexta-feira (19/10), às 19h, a Secretaria da Cultura (Secult) realiza no foyer do Teatro Cidade do Saber o recital Vozes Negras.

Considerando que uma das metas do programa Cultura Todo Dia é democratizar o acesso à arte e promover a cultura local, sobretudo, evidenciando a importância da contribuição do povo negro em nossa história, o Vozes Negras integra ações artísticas e literárias expressadas por àqueles que fazem a cultura local acontecer.

O evento contará com a apresentação de poetas negros, escritores, músicos, atores e bailarinos, além da presença dos artistas que participaram da primeira temporada do projeto “Das Telas às Imagens – Identidade Cultural Por Cada Um de Nós”. Na oportunidade, ainda será aberta a segunda temporada da iniciativa, que reúne obras do fotógrafo Arthur Seabra e dos artistas plásticos Antônio Borges, Bruno Nunes, João Borges e Nilson Carvalho.

A edição especial de exposições, que traz a temática do Novembro Negro, ficará em cartaz nos foyers dos teatros Cidade do Saber e Alberto Martins, no teatro da Pracinhas da Cultura, no Horto Florestal Linaldo da Silva e na Câmara Municipal de Camaçari. O recital Vozes Negras é promovido através do Núcleo de Produção do Teatro Cidade do Saber.

Foto: Divulgação



Ninguém acerta a Mega-Sena e prêmio acumula em R$ 38 milhões

Artigo anterior

Tour de France chega ao Rio de Janeiro (RJ) neste fim de semana

Próximo artigo

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *