A partir desta terça-feira (7), até o dia 12 de julho, ficam restritas a circulação e aglomeração de pessoas em espaços públicos ou privados, em uma área equivalente a 2 km de circunferência, tendo como ponto zero a entrada do Bairro de Vilas do Atlântico, incluindo, portanto, além de Villas, Pitangueiras e Buraquinho. Nestas localidades, será intensificada a fiscalização do cumprimento de medidas adotadas pela Prefeitura de Lauro de Freitas, para conter a proliferação do coronavírus.

Durante o período de restrição, a circulação de pedestres e automóveis só será permitida em casos de extrema necessidade, para acessar serviços e estabelecimentos comerciais essenciais autorizados a funcionar, a exemplo de unidades de saúde, mercados, farmácias, postos de combustível, indústrias, agências bancárias e lotéricas, além de serviços públicos essenciais, funerárias, segurança pública e privada, transporte e estabelecimentos voltados a alimentação e saúde animal.

A fiscalização será realizada em barreiras montadas nestas regiões, onde terá de ser comprovada a necessidade do deslocamento. Além disso, serão realizados a medição de temperatura e testes rápidos para COVID-19 em casos suspeitos da doença. Pacientes com diagnóstico positivo serão encaminhados às unidades de saúde, e serão acompanhados pelas equipes da Vigilância Sanitária do município.

Nos Bairros de Portão, Itinga, Centro, Vida Nova, Ipitanga, Caji, Caixa D’água, Capelão, Areia Branca, Jambeiro, Vila Praiana e Aracui, a Prefeitura realizou 3.780 testes nas barreiras sanitárias, 749 deram positivo. Além das barreiras, onde também será fiscalizado o uso de máscara protetora, equipes farão incursões por ruas e avenidas de Villas, Buraquinho e Pitangueiras.



Lei de Emergência Cultural é tema de fórum com secretários municipais de Cultura do estado – Portal RBN

Artigo anterior

Gerson King Combo e Robertinho Silva – Portal RBN

Próximo artigo

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *